A fala é uma das principais ferramentas para a interação social. Com a linguagem, é possível que os seres humanos compartilhem ideias e construam relacionamentos. Por isso, o incentivo à comunicação é de fundamental importância nos primeiros meses e anos de vida de uma criança.

Após o nascimento, os primeiros contato com a linguagem vem através dos pais e familiares. Desde bebê, as crianças são bombardeadas de estímulos sonoros e isso, faz com que elas sejam cada vez mais estimuladas a repetir as palavras ouvidas.

Diante de tanto estímulo, aos poucos, começam os ruídos e esses passam a ser palavras e essas terminam em frases completas. Estima-se que aos 21 meses de vida, os pequenos já pronunciam, em média, 100 palavras. Já aos dois anos, conseguem formar frases curtas.

Apesar de cada indivíduo ter um desenvolvimento diferente, em geral há etapas semelhantes a serem cumpridas no progresso da cada criança, de acordo com a idade. Segundo informações disponibilizadas, estima-se que:

A partir da 3 semana de vida, o bebê já entende as variações e entonação nas vozes. Com isso, ele consegue se expressar indicando quando está com fome, cólica ou até sono.

Já no quarto mês, os pequenos começam a balbuciar, como se estivessem querendo dizer algo. Mexem a boca e tentam pronunciar seus primeiros “mama”, “papa” e “au au”.

Por volta dos 12 meses, um ano, começam a sair palavras inteiras e de mais fácil entendimento. Além disso, inicia-se também a etapa de repetição, a qual a criança começa a copiar tudo o que ouve.

Até os 24 meses, ou seja, 2 anos, as crianças já formulam frases básicas, na maioria das vezes usando duas ou três palavras. Também falam de si mesmas em terceira pessoa, como “Manu (ela mesma), ama mamãe”.

Entre 3 a 4 anos, o vocabulário pode chegar a 600 palavras, possibilitando a construção de frases mais longas, com preposições e plural.

Já a partir dos 5, formulam frases mais complexas, com uso de condições e também com noção de tempo.

Para os pais que desejam estimular o desenvolvimento dos seus pequenos, aqui vão algumas dicas:

Converse sempre com o seu filho! A comunicação deve começar com o bebê ainda dentro da barriga;

Faça leituras de ao menos 15 minutos por dia. Isso irá estimular a criatividade e imaginação da criança;

Sempre que puder, cante e brinque com a criança. Assim como a leitura, isso irá ajudar no processo de desenvolvimento da criatividade e imaginação.

This is Photoshop's version of Lorem Ipsum. Proin gravida nibh vel velit auctor aliquet. Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auctor, nisi elit consequat ipsum, nec sagittis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris.
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *